Irrigação por sulco – O MELHOR para culturas hortícolas – Tipos de irrigação de superfície (IV)

A irrigação por sulco é uma modalidade de irrigação superficial com a característica de o terreno ser ondulado, formando canais para circulação da água e com a cultura na parte superior do sulco.

A água é distribuída individualmente em cada sulco. Pode ser de canal ou com canos que enviam água para cada sulco.

É aconselhável que o terreno tenha um ligeiro declive. Se houver muito, os sulcos são feitos seguindo o contorno do terreno.

Tipo de culturas que se adaptam à irrigação por sulco

Culturas como:

  • Cebola e calçot.
  • Alho.
  • Beterraba.
  • Vegetais.
  • Algumas árvores lenhosas que podem ser plantadas em cumeeiras.
Irrigação por sulco
Irrigação por sulco

Não é um sistema muito econômico em termos de água aplicada, pois a cada 100 litros fornecidos as usinas utilizam cerca de 50 litros.

Outra desvantagem são as áreas irregulares, pois pode ocorrer alagamento e ser muito prejudicial às plantas.

Fatores que favorecem o uso da irrigação por sulco

  • O fluxo de irrigação.
  • Nivelamento do terreno.
  • O tipo de solo, mais arenoso ou mais argiloso.
  • O tamanho do terreno.
  • O tipo de cultivo.
  • A disponibilidade de irrigação.
  • Devemos também levar em consideração:

O comprimento dos sulcos:

  • Depende do tipo de terreno, da sua inclinação e da quantidade de água que a cultura necessita.
  • Podem atingir 450 metros de comprimento se o terreno permitir.
  • Em solos argilosos os sulcos podem ser mais longos do que em solos arenosos ou argilosos. A razão é que os arenosos absorvem mais água.
  • Quanto mais plano for o terreno, maior será o comprimento que podemos colocar.
  • Se houver um desnível, eles podem ser mais longos.
  • Grandes quantidades de água permitem que sejam mais extensos.
  • Em terrenos mais planos os sulcos podem ser mais longos do que naqueles com maiores desníveis.

A separação entre sulcos:

  • Como os solos arenosos são mais absorventes, devem ter sulcos pequenos, o bulbo úmido é mais alongado, isso influencia o sulco para poder armazenar menos umidade, e influencia na cultura dependendo do seu sistema radicular.
Tipos de sulcos de acordo com terreno e cultura - Arenoso e argiloso.
Tipos de sulcos de acordo com terreno e cultura – Arenoso e argiloso.
  • Em solos argilosos podemos fazer sulcos mais largos porque são menos absorventes e o bulbo úmido se desenvolve horizontalmente.
  • O tipo de plantio e a largura do sistema radicular em qualquer tipo de terreno também influenciam.
  • Outro fator a ter em conta é a distância entre cada planta, que varia consoante o desenvolvimento folicular.
  • Também não podemos esquecer o tipo de maquinaria a utilizar para plantar e cuidar da plantação.
  • O mais cómodo é controlar a profundidade da humidade e para isso o melhor é utilizar os sensores Plantae que permitem saber em diferentes profundidades até que ponto do sulco há humidade.

A quantidade de água a aplicar

  • A pressão com que a água é distribuída é muito importante. Se a água entrar no sulco com muita força, poderá erodir o solo. O mais aconselhável é utilizar canos que distribuam água pelos sulcos.
  • Devemos começar com um nível de água alto, a princípio o sifão pode chegar ao final da curva, uma vez meio cheio, devemos levantar o sifão e diminuir a quantidade de vazão.
  • Com isso evitamos arrastar a terra até o final do sulco.
Preenchendo a ranhura inicialmente, podemos usar a vazão máxima, a ranhura não desgasta maior altura do tubo.
Preenchendo a ranhura inicialmente, podemos usar a vazão máxima, a ranhura não desgasta maior altura do tubo.
Preenchimento do sulco à medida que a água avança. Altura do menor tubo. Levante a saída do sifão.
Preenchimento do sulco à medida que a água avança. Altura do menor tubo. Levante a saída do sifão.

Tipos de ranhuras

  • Podemos fazer sulcos retos em solos com poucos desníveis.
  • Caso o terreno tenha declive superior a 2 metros por 100 metros de comprimento, podemos fazer sulcos curvos, dependendo das características do imóvel.
Semeado com sulcos tortuosos
Irrigação através de sulcos tortuosos para terrenos inclinados.
  • No caso de culturas permanentes como vinhas e solos argilosos, a curvatura é conveniente porque a penetração da água no subsolo é mais lenta.
  • Para árvores frutíferas, podem ser feitos sulcos ao redor da árvore, desde que o desnível permita.
Irrigação em sulcos para árvores frutíferas, com desvios de água ao redor da árvore.
Irrigação em sulcos para árvores frutíferas, com desvios de água ao redor da árvore.
  • Por fim, os sulcos acompanham o contorno da fazenda quando o declive é elevado.
sulcos inclinados de um campo
Sulcos inclinados de um campo

Plantae oferece a possibilidade de controlar a irrigação por sulcos com sensores de umidade, temperatura e condutividade do subsolo.

Huerto urbano
Pomar com irrigação por sulco

Fontes:

Equipo Plantae AGRO

Seções

Você está procurando informações especializadas?

Entre em contato agora gratuitamente e sem compromisso com nossa equipe de Engenharia Agronômica